Selo 30 anos
Fone: (11) 3285-4422

Pergunte para o Dr

Receba resposta de suas dúvidas. Se preferir, deixe na mensagem seu telefone para um contato mais rápido.


DST – Doenças Sexualmente Transmissíveis

DSTs

DST – Doenças Sexualmente Transmitidas as mais comuns são: Neisseria Gonorrhoeae (Gonorreia), Linfogranuloma Venéreo (Clamídia), Sífilis (Cancro Duro), AIDS, HPV (Condiloma), Hepatites entre outras.

• Gonorreia / Neisseria Gonorrhoeae
É uma bactéria da família Neisseriaceae, que costuma atingir a região da vagina, pênis e ânus. A percepção da doença começa por pequenos sintomas como: coceira ou dor ao urinar. O diagnóstico deve ser realizado o mais breve possível, pois a evolução da doença pode implicar em inflamações da próstata a infertilidade.

• Linfogranuloma Venéreo / Clamídia
O Linfogranuloma Venéreo popularmente conhecido por Clamídia, é uma bactéria que apresenta uma secreção esbranquiçada, sem cheiro e alguns pacientes não apresentam sintomas. Pode ocasionar outros problemas como: inflamação da próstata, infertilidade, epididimite, entre outras DST’s.

• Sífilis / Cancro Duro
Sífilis é uma doença sexualmente transmissível, causada pelo Treponema Pallidum, é o tipo de doença que permanece incubada no organismo do hospedeiro durante anos sem sintomas. A manifestação inicial ocorre normalmente no local de penetração da bactéria, como uma ferida endurecida e indolor (origem do nome Cancro Duro), só é contagiosa nos estágios primários e secundários. O tratamento medicamentoso tem altos índices de cura, quando feito de forma correta e acompanhado por um profissional.

• AIDS
A AIDS é um doença que ataca o sistema imunológico, impedindo a proteção contra vírus, bactérias e células cancerígenas. À medida que a doença progride, ela interfere mais e mais no sistema imunológico, tornando a pessoa muito mais propensa a ter outros tipos de doenças. É uma doença que não tem cura, porém existem tratamentos para garantir a qualidade de vida dos portadores disponibilizados pelo governo.

• HPV/ Condiloma
O HPV é uma sigla inglesa para "Papiloma vírus humano" e cada tipo de HPV pode causar verrugas em diferentes partes do corpo. A transmissão do vírus pode ocorrer através do contato sexual, nem sempre é visível a olho nu, porém em seu desenvolvimento algumas de suas características são: Lesões na genital masculina (uretra, prepúcio e glande), lesões na genital feminina (vulva, períneo, colo do útero e vagina) e algumas vezes até o ânus. O tratamento normalmente é medicamentoso, e também pode ser utilizada a cauterização a laser para a retirada das lesões. Mais de 90% das pessoas conseguem eliminar o vírus do HPV do organismo naturalmente, sem ter manifestações clínicas, mas para evitar previna-se sempre usando preservativo.

• Hepatite B
A hepatite B é uma doença transmitida por um vírus que causa irritação e inflamação do fígado. Existem variações da doença que são classificadas como: A, B, C, D e E. O Tipo “B” também conhecido por (VHB) pode ser transmitido através das relações sexuais, transfusões sanguíneas ou Vertical (de mãe para filho) durante o parto. Na sua fase aguda não há tratamento, apenas medicamentos para retenção dos sintomas. Em sua fase crônica o tratamento é medicamentoso e tende a combater o vírus, sendo utilizado de forma continua, uma vez que não se pode eliminar o vírus.

• Cuidados
A ausência de sintomas não implica que as infecções não são transmitidas somente pelo ato sexual. Dependendo do caso, a companheira sexual deve ser avaliada.

Use sempre a camisinha, é a recomendação das Campanhas de prevenção do Ministério e Secretaria da Saúde.

Tema: Preservativo e Doença Sexualmente Transmissível