Selo 30 anos
Fone: (11) 3285-4422

Pergunte para o Dr

Receba resposta de suas dúvidas. Se preferir, deixe na mensagem seu telefone para um contato mais rápido.


Prostatectomia

A cirurgia da próstata, através da prostatectomia radical, são indicadas para próstatas muito aumentadas e tumores, entre outros tratamentos quimioterápicos e de radioterapias, podem levar a uma Disfunção erétil, com a queda da ereção Peniana.

• Próstata
A próstata é uma glândula exócrina presente somente nos homens, ela faz parte do sistema reprodutor masculino, produzindo um liquido que transporta o esperma. A próstata saudável é um pouco maior que uma noz, quando sofre alteração em seu tamanho pode estar ocorrendo uma deficiência no hormônio reproduzido por ela a Testosterona que é responsável por seu crescimento. O aumento da próstata pode trazer graves consequências à saúde do homem, tendo alguns sintomas a compressão da uretra, dificultando a passagem da urina tendo como sintomas a necessidade de urgência em urinar, jato fraco e sem pressão entre outras características.

• Câncer de Próstata
Algumas sintomas podem auxiliar a identificação de que algo possa estar acontecendo, como: problemas de ereção, dor na lombar/bacia, dor ao urinar, e sangramento pela uretra podem indicar alguns sinais de alerta. Grande maioria dos cânceres de próstata não apresentam sintomas até que atinjam um tamanho considerável. Para identificar normalmente são utilizados os exames de PSA (antígeno prostático especifico) e Toque Retal.

• Prostatectomia, Impotência Sexual e Prótese Peniana
A retirada da próstata influencia diretamente na qualidade de vida do homem, trazendo consigo alguns problemas depois da cirurgia como a perda de ereção, problemas com a ejaculação, isso pode variar de acordo com a idade e fatores de como era a função sexual antes do procedimento.

Para a recuperação da ereção, podem ser indicados medicamentos que podem ajudar no fluxo sanguíneo para os corpos cavernosos para promover a ereção, mas muitas vezes incompletas ou não satisfatórias, são indicadas o implante de Prótese peniana.

O procedimento é indicado normalmente após 6 a 12 meses a prostatectomia, sendo necessária uma avaliação.

O implante requer hospitalização de 1 dia, podendo-se optar pelos diferentes modelos, sendo todos muito satisfatórios, podendo retornar as atividades sexuais após 45 dias.

É um tratamento definitivo, com o retorno das condições sexuais, melhora da autoestima e qualidade de vida.